COP26 é questão de 'vida ou morte', diz John Kerry - Plataforma Media

COP26 é questão de ‘vida ou morte’, diz John Kerry

“Precisamos ter sucesso” na COP26 que começa neste mês em Glasgow, na Escócia, afirmou o enviado especial dos Estados Unidos para o clima, John Kerry, nesta segunda-feira (4), citando “uma situação crítica, de vida ou morte para muitas pessoas”.

O COP26 é uma questão de vida ou morte. “Temos 55% das economias mundiais comprometidas em limitar o aumento da temperatura a 1,5º C; é algo extraordinário. Mas precisamos que os 45% restantes se juntem a nós”, declarou Kerry à rede BFMTV em Paris.

Kerry acrescentou que “é uma situação crítica, de vida ou morte para muita gente (…) Não, não é tarde (para agir) mas temos de agir agora”.

O COP26 é uma questão de vida ou morte e o enviado especial americano insistiu que “devemos fazer mais do que o Acordo de Paris, que não é suficiente porque continuamos a aumentar as emissões” de gases de efeito estufa.

O Acordo de Paris de 2015 estabelece o compromisso de limitar o aumento médio da temperatura global a 2º C em relação aos níveis pré-industriais e redobrar os esforços para não ultrapassar o nível de 1,5º C até o final deste século.

Kerry também foi questionado sobre a crise diplomática provocada pela quebra, pela Austrália, de um contrato bilionário de compra de submarinos franceses a favor de navios americanos, sobre o qual assegurou que “não é uma traição” à França, mas “uma falta de comunicação.”

Kerry, que fala francês, disse que teve uma conversa “muito agradável” com o presidente francês Emmanuel Macron. “Falamos como os amigos que somos”, concluiu.

Related posts
BrasilPolítica

Indústria brasileira apresenta propostas para negociações climáticas na COP26

ChinaSociedade

Pequim tenta reduzir desperdício alimentar face a clima extremo

Macau

Tufão Lionrock: Sinal 3 emitido

MundoSociedade

Ativistas invadem desfile da Louis Vuitton em protesto contra mudanças climáticas

Assine nossa Newsletter