Negócio suspeito da Covaxin envolveu empresa dos Emirados Árabes, mostra documento - Plataforma Media

Negócio suspeito da Covaxin envolveu empresa dos Emirados Árabes, mostra documento

Um documento obtido pelo jornal Folha de S.Paulo mostra que o negócio suspeito do Ministério da Saúde na compra da vacina Covaxin envolveu uma segunda intermediadora do imunizante indiano, a empresa Envixia Pharmaceuticals LLC, com sede nos Emirados Árabes.

Segundo a reportagem, a empresa aparece em um memorando de entendimento como responsável por apoiar todas as atividades relacionadas a registro e comercialização do imunizante no Brasil.

Leia mais em Istoé

Assine nossa Newsletter