Exposição de instrumentos marca celebração do Entrudo

Exposição de instrumentos marca celebração do Entrudo

Uma mostra de instrumentos musicais, indumentárias e trajes típicos utilizados pelos grupos carnavalescos do Namibe marcou, segunda-feira, o início das actividades que simbolizaram a edição 2021 do Carnaval, realizada no Largo 1º de Maio, defronte à estação do Caminho-de-Ferro (CFM), na Marginal de Moçâmedes

Durante a exposição, foi notória a presença de representantes de grupos carnavalescos, do município de Moçâmedes, como 5 de Abril, o bairro mais populoso, Comandante Kussy II, com vestes à rebita, bessangana e estilo mucubal, o Saidy Mingas fundado em 1981 com recordações e momentos de desfiles. 

Os “papões”  Forte Santa Rita e Torre do Tombo, incluindo os Mirins da Torre do Tombo, (a “campeã” infantil em classificações, entre 1999 e 2019, este último ano ocupou o primeiro lugar) e o Espírito Santo, também prestigiaram a manifestação cultural.

De todos os palmarés da história do Carnaval na província, o grupo carnavalesco da Torre do Tombo é o mais destacado, ao vencer 17 vezes. Ficou em segundo lugar em 14 edições, quatro vezes em terceiro, 14 vezes com o melhor comandante (Ricardo Jorge) e 10 com a melhor alegoria. Lembrar que este grupo carnavalesco mereceu, em 2013, uma homenagem nacional, promovida pelo Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente.

Leia mais em Jornal de Angola

Assine nossa Newsletter