Investigação vai apurar se houve negligência na morte de Maradona

Investigação vai apurar se houve negligência médica na morte de Maradona

Autoridades encontraram contradições em depoimentos sobre atendimentos

As investigações sobre a morte de Diego Maradona está ganhando maiores desdobramentos. De acordo com informações do “Clarin” desta sexta-feira, as autoridades recolheram depoimentos de pessoas que estiveram com o ídolo nas últimas horas de vida e encontraram contradições.

O jornal argentino informou que o enfermeiro “Ricardo” declarou à Justiça que o seu turno se encerrava às 6h30 de quarta-feira (dia da morte) e que, antes de ir embora, confirmou que Diego Maradona apresentava sinais vitais e respirava. O profissional disse que o ex-jogador tinha descansado a noite toda.

Leia mais em Istoé

Este artigo está disponível em: English

Artigos relacionados
BrasilDesporto

Pelé lamenta morte de Maradona: “Espero que possamos jogar bola juntos no céu”

DesportoMundo

Autarca de Nápoles quer estádio renomeado para Maradona

Desporto

Morreu Maradona, o 'deus' do futebol

Desporto

Maradona recebe alta oito dias após cirurgia, mas continuará reabilitação

Assine nossa Newsletter