PSP já interveio em mais de 600 festas e eventos só na área de Lisboa - Plataforma Media

PSP já interveio em mais de 600 festas e eventos só na área de Lisboa

São quase diárias as denúncias de festas que chegam às autoridades. Umas de maior dimensão, outras de menor. Em comum têm muitos jovens sem máscara, expostos ao risco de contágio e potenciais transmissores da covid-19.

Nos últimos três meses, a PSP interveio para dispersar 613 festas, eventos e concentrações organizadas de pessoas – isto só na zona da Grande Lisboa. Segundo dados oficiais do Comando Metropolitano (COMETLIS) da PSP de Lisboa, entre junho e agosto já foram “abordadas” cerca de 78 mil pessoas e detidas 112 por desobediência ao cumprimento das regras sanitárias da Direção-Geral da Saúde (DGS), que proíbem ajuntamentos com mais de 20 pessoas.

A norte, entre 600 e 700 pessoas, segundo a PSP, juntaram-se neste domingo numa festa ilegal em Vila Nova de Gaia, mais precisamente no jardim do Morro. A polícia foi ao local para mandar dispersar e foi obrigada a disparar quatro tiros de shotgun para o ar em reação a distúrbios entre participantes.

Leia mais em Diário de Notícias

Artigos relacionados
MundoSociedade

Mundo deve preparar próxima pandemia "como se fosse uma guerra"

AngolaCabo Verde

Pandemia evidenciou apropriação indevida de fundos de emergência na África subsaariana

ChinaSociedade

China avança com testes covid por via anal

BrasilSociedade

Voos de e para o Brasil suspensos

Assine nossa Newsletter