Início » O que muda nos restaurantes: máscaras, menos lugares e marcações

O que muda nos restaurantes: máscaras, menos lugares e marcações

A DGS divulgou um conjunto de medidas a aplicar na restauração para assegurar a segurança de funcionários e clientes.

Numa orientação para estabelecimentos de restauração e bebidas divulgada esta sexta-feira, a Direção-Geral da Saúde (DGS) estabelece que as empresas devem reduzir a capacidade máxima do estabelecimento, para assegurar o distanciamento físico recomendado entre as pessoas. Assim, “a disposição das mesas e das cadeiras deve garantir uma distância de, pelo menos, dois metros” entre os clientes, sendo que estes “podem sentar-se frente a frente ou lado a lado, a uma distância inferior”.

A DGS recomenda ainda que seja privilegiada a utilização de áreas exteriores e do serviço take-away e que, sempre que possível, seja incentivado a marcação prévia para reserva de lugares. Por outro lado, estão desaconselhados os lugares de pé e os modelos “self-service”, como buffets.

Rita Salcedas

Leia mais em Jornal de Notícias

Contact Us

Generalist media, focusing on the relationship between Portuguese-speaking countries and China.

Plataforma Studio

Newsletter

Subscribe Plataforma Newsletter to keep up with everything!