CONECTIVIDADE É “FATOR CRUCIAL” PARA DESTINO MICE - Plataforma Media

CONECTIVIDADE É “FATOR CRUCIAL” PARA DESTINO MICE

 

Uma boa ligação de transportes é um “fator crucial” para o desenvolvimento de um destino MICE, alerta Arun Madhoc, diretor executivo do Centro Internacional de Convenções e Exposições Suntec de Singapura, que acredita que Macau pode vir a ser um concorrente de peso.

 

PLATAFORMA MACAU – Há cerca de dez anos, Macau identificou como prioritário o setor MICE com o objetivo de apoiar a diversificação da economia, que depende sobretudo do jogo. Olha para Macau como um possível concorrente?

ARUN MADHOC – À semelhança de Singapura, Macau tem muito para oferecer ao turista de negócios. Os organizadores e delegados são exigentes e estão à espera de uma experiência completa: eventos bem organizados, conteúdo envolvente, oportunidades de negócio lucrativas, estadia de conforto, muito entretenimento e para todos os gostos. Esperam também encontrar várias opções de compras e experiências culturais genuínas. Tudo isto, sem o incómodo de muitas viagens. Com uma história rica, uma forte tradição na cultura e na restauração, mais a reputação de ser um centro moderno de entretenimento e lazer, Macau é definitivamente um destino com o qual competimos.

 

P.M. – Na sua opinião, de que forma é que este setor se pode desenvolver em Macau? Poderia deixar algumas sugestões?

A.M. – A conectividade é um fator crucial para o desenvolvimento de um destino MICE. Isto significa ter ligações internacionais que tornem prático aos visitantes estrangeiros chegar ao destino e significa facilitar as viagens de e para os destinos chave, seja por carro ou transportes públicos. Também significa oferecer uma maior ligação à internet para facilitar o acesso à informação, aos produtos que estão à venda, etc.

 

P.M. – E que vantagens é que a indústria do jogo pode trazer ao setor MICE em Macau e mesmo em Singapura?

A.M. – A indústria do entretenimento desempenha em geral um papel muito importante ao fazer com que o destino se torne atraente aos olhos delegados internacionais e consequentemente expositores e organizadores. Ao viajar, o turista de negócios procura experiências variadas e genuínas. No entanto, o entretenimento não pode substituir as reais oportunidades de negócio em espaços que facilitem a criação de uma rede de contactos.

 

P.M. – Sendo Macau um novo destino MICE, acredita que haveria oportunidades de colaborar com Singapura? De que forma é que isto pode acontecer? 

A.M. – O Suntec Singapore está sempre disposto a partilhar os seus conhecimentos com a indústria. Além de termos esta instalação MICE, que já venceu vários prémios, também damos consultoria através da Suntec Intenational.

Esta consultora tem-se apoiado nos nossos 20 anos de experiência para ajudar outros locais a tirar o máximo proveito das suas instalações e para oferecer conselhos práticos para modernizar e simplificar as operações locais, de forma a aumentar o rendimento e o nível de prestação de serviços.

Estamos muito satisfeitos por poder dar o exemplo e trabalhar de perto com novos parceiros para assim elevar os padrões da nossa indústria.

 

Catarina Domingues

 

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Assine nossa Newsletter