Início Brasil Senador filho de palestino diz que há oportunismo em crítica a Lula sobre Holocausto

Senador filho de palestino diz que há oportunismo em crítica a Lula sobre Holocausto

O senador Omar Aziz (PSD-AM) disse à Folha ter sido pego de surpresa com a decisão do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), de cobrar publicamente uma retratação do presidente Lula (PT) pela comparação entre a situação de palestinos na Faixa de Gaza à de judeus no Holocausto.

Antes que o líder do governo, Jaques Wagner (PT-BA), pudesse responder à cobrança de Pacheco na sessão de terça-feira (20), Aziz pediu a palavra, rebateu o presidente da Casa e questionou qual tipificação poderia ser dada às 30 mil pessoas mortas em Gaza, segundo números do Ministério da Saúde local, controlado pelo Hamas.

“Foi realmente uma surpresa para mim o presidente [Pacheco] —pelo equilíbrio que ele tem, pela ponderação que tem, sempre teve,— trazer aquilo à tona e dizer que o presidente Lula tinha que pedir desculpas”, afirma o senador.

“Até porque ele tem uma relação muito próxima com o presidente. Podia ter ligado: ‘Presidente, vamos separar o joio do trigo. Judeu é uma coisa, esse governo sionista é outra’. Podia ter feito isso. Um amigo faz isso com outro amigo.”

Leia mais em Folha de S.Paulo

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!