China vê aumento em viagens ferroviárias antes da Festa da Primavera

por Gonçalo Lopes

A China viu um aumento anual de 27,3% nas viagens de passageiros ferroviários feitas durante os 15 dias anteriores à Festa da Primavera deste ano, que cai neste domingo, de acordo com a operadora ferroviária nacional.

Entre 7 e 21 de janeiro, 109,5 milhões de viagens foram feitas de trem, 23,5 milhões a mais que no período pré-festa do ano passado, mostram os dados do China State Railway Group Co., Ltd.

Nos últimos dois anos, a maioria dos chineses ficou onde estava durante o feriado em meio às restrições em vigência para barrar a transmissão do vírus SARS-Cov2, mas as alterações do país sobre a resposta à COVID-19 trouxeram uma mudança.

O número total de viagens de passageiros para a corrida de 40 dias da Festa da Primavera deste ano, que começou em 7 de janeiro, deve chegar a 2,1 bilhões, quase o dobro do ano passado, ou 70,3% da leitura de 2019, de acordo com o Ministério do Transporte.

A crescente demanda de viagens é resultado da recente redução da classificação chinesa da gestão da COVID-19 da Classe A para a Classe B. Sob a gestão da Classe B, os viajantes não mais precisam apresentar códigos sanitários e resultados negativos de testes de ácido nucleico ou passar por verificações de temperatura ao entrarem em estações ferroviárias e aeroportos.

Pode também interessar

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!