TAP: Tripulantes anunciam sete dias de greve no final de janeiro - Plataforma Media

TAP: Tripulantes anunciam sete dias de greve no final de janeiro

Esta é a segunda vez, em dois meses, que os trabalhadores param. Em causa está o descontentamento com a proposta do novo Acordos de Empresa (AE) apresentado pela TAP.

Os tripulantes de cabine da TAP vão entregar amanhã à companhia aérea o pré-aviso para mais sete dias de greve no final de janeiro. O protesto irá decorrer entre os dias 25 e 31 de janeiro, inclusive, de acordo com um comunicado a que o Dinheiro Vivo teve acesso.

As novas greves surgem depois de a assembleia-geral dos associados do Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) ter dado luz verde, a 6 de dezembro, à realização de “um mínimo de cinco dias de greve a realizar até dia 31 de janeiro”.

“Apelo, desde já, à adesão de todos para que, mais uma vez, possamos dar nota cabal à empresa da nossa união em torno do descontentamento relativamente às matérias abordadas e deliberadas na AG de dia 3 de novembro, que constituem as nossas reivindicações legítimas e responsáveis”, pede no documento o presidente da mesa da Assembleia Geral do SNPVAC, Ricardo Andrade.

Esta é a segunda vez que os tripulantes da transportadora de bandeira vão parar. No mês de dezembro realizaram dois dias de greve que custaram à companhia oito milhões de euros e levaram ao cancelamento de 360 voos.

Leia mais em: Dinheiro Vivo

Este artigo está disponível em: English

Assine nossa Newsletter