Início Cultura Museu do Grande Prémio de Macau 2.0

Museu do Grande Prémio de Macau 2.0

José Aires Pereira

Após uma intervenção orçamentada em 830 milhões de patacas, o Museu do Grande Prémio de Macau está melhor que nunca

O Grande Prémio de Macau é, claramente, o mais importante evento desportivo em Macau, além de ser o mais antigo. A primeira edição teve lugar em 1954, apenas com automóveis em competição.

Desde então, 67 edições tiveram lugar, sem qualquer interrupção.

Nem mesmo uma pandemia mundial impediu a realização de um dos mais icónicos eventos motorizados em todo o mundo. A relevância do Grande Prémio é tal que, no dia 18 de novembro de 1993, o Museu do Grande Prémio de Macau foi inaugurado.

Com a crescente importância do GP e com o aumento do número de turistas, o Governo da RAE de Macau anunciou, em 2016, um projeto de ampliação e modernização do Museu.

Leia também: GP MACAU: André Pires de regresso ao Grande Prémio de Motos

No dia 20 de outubro de 2021, a versão aumentada e melhorada do Museu foi inaugurada, com uma visível reestruturação do espaço interior e da estrutura do Centro de Actividades Turísticas, que funciona no mesmo local.

O Museu conta com um novo design e estética, nova comunicação e espaços de exposição. Além de mais carros e motas em exposição, os visitantes têm agora acesso a vídeos em 3D, realidade aumentada e simuladores de corrida G-Force Challenge.

O simulador de Fórmula 3 satisfaz a extraordinária experiência de ser piloto, com a estrutura física desenhada para criar uma experiência próxima da realidade para os visitantes. A visita guiada com o auxílio da realidade aumentada – “Uma Viagem pela História do GP de Macau”-, inclui jogos interativos como “A partida clássica” e “Sou um piloto”, que se acedem através do scan dos códigos QR no museu.

Os jogos reproduzem cenas de corrida de carros do passado, cruzam o mundo real com o mundo virtual no circuito e permitem que o visitante se torne no protagonista da competição, fotografando-se em cartazes com equipamento de pilotos.

Leia também: SUPLEMENTO: “Vamos garantir que o Grande Prémio de Macau continua a incluir corridas de classe mundial”

De acordo com as medidas excecionais de prevenção epidémica, o limite do número de visitantes diários no Museu do GPM mantém-se abaixo da lotação e os visitantes são aconselhados a comprar com antecedência os bilhetes através do sistema de reserva online da Direcção dos Serviços de Turismo (eticket.macaotourism.gov.mo). Os bilhetes podem também ser adquiridos no próprio dia, no Museu, até as vagas esgotarem.

O Museu também oferece um serviço gratuito de visitas guiadas de cerca de 45 minutos, com opções em cantonês, mandarim, português e inglês. Devido ao número limitado de guias disponíveis, as vagas para as visitas guiadas são preenchidas de acordo com a ordem de chegada.

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!