Início » Arménia e Azerbaijão reportam combates letais na fronteira

Arménia e Azerbaijão reportam combates letais na fronteira

AFP

Arménia e Azerbaijão reportaram esta terça-feira combates intensos na fronteira, que causaram a morte de soldados deste último país, no confronto mais recente entre os dois rivais

“A 0h05 de hoje (hora local), o Azerbaijão lançou um bombardeio intenso com artilharia e armas de grosso calibre contra postos militares armênios”, informou o Ministério da Defesa da Armênia, acrescentando que drones também foram usados.

O Ministério da Defesa do Azerbaijão acusou a Armênia de “atos subversivos em larga escala” perto da fronteira, acrescentando que suas posições militares foram atacadas. “Há baixas entre os soldados (do Azerbaijão)”, acrescentou, sem citar números.

O secretário de Estado americano, Antony Blinken, pediu o fim do confronto e garantiu que os Estados Unidos estão “profundamente preocupados” com a situação.

“Como já deixamos claro, não pode haver solução militar para o conflito”, declarou Blinken em comunicado. “Pedimos o fim imediato de qualquer hostilidade militar”.

Relatos de tiroteios são frequentes na fronteira desde que a guerra entre os dois países em torno da disputada região de Nagorno-Karabakh terminou, em 2020. Duas guerras foram travadas: uma na década de 1990 e outra em 2020, em torno de Nagorno-Karabakh, enclave do Azerbaijão com população armênia.

As seis semanas de combates em 2020 deixaram mais de 6.500 mortos e terminaram com um cessar-fogo mediado pela Rússia. Sob o acordo, a Armênia cedeu partes do território que controlou durante décadas, e Moscou enviou cerca de 2.000 soldados para supervisionar a frágil trégua.

Contact Us

Generalist media, focusing on the relationship between Portuguese-speaking countries and China.

Plataforma Studio

Newsletter

Subscribe Plataforma Newsletter to keep up with everything!