PM português anula decisão da construção dos novos aeroportos - Plataforma Media

PM português anula decisão da construção dos novos aeroportos

“O primeiro-ministro determinou ao Ministro das Infraestruturas e da Habitação a revogação do Despacho ontem publicado sobre o Plano de Ampliação da Capacidade Aeroportuária da Região de Lisboa”, informou o gabinete do primeiro-ministro, em comunicado.

“O primeiro-ministro reafirma que a solução tem de ser negociada e consensualizada com a oposição, em particular com o principal partido da oposição, e, em circunstância alguma, sem a devida informação prévia ao senhor Presidente da República”, lê-se no documento.

O comunicado, que desautoriza Pedro Nuno Santos, que quarta-feira anunciara uma solução de dois aeroportos para substituir, a médio prazo, o aeroporto de Lisboa, acrescenta que “compete ao primeiro-ministro garantir a unidade, credibilidade e colegialidade da ação governativa.”

Segundo o comunicado, António Costa “procederá, assim que seja possível, à audição do líder do PSD que iniciará funções este fim de semana, para definir o procedimento adequado a uma decisão nacional, política, técnica, ambiental e economicamente sustentada”, acolhendo as críticas da Oposição.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter