Inaugurada plataforma de comércio eletrónico para a China - Plataforma Media

Inaugurada plataforma de comércio eletrónico para a China

A primeira plataforma de comércio eletrónico de produtos fabricados ou distribuídos por empresas de Macau para consumidores na China foi lançada durante a Feira Internacional de Macau (MIF)

A Macau Plaza vai abrir lojas oficiais em diferentes plataformas de comércio eletrónico chinesas, como TikTok, Kuaishou, Tmall Global, JoyBuy e WeChat, onde estarão disponíveis para todos os consumidores chineses produtos fabricados em Macau, ou distribuídos pelas empresas locais, como bens dos países lusófonos. 

Esta plataforma de comércio eletrónico transfronteiriço vai também colaborar com as empresas locais para resolver problemas práticos relacionados com logística e armazenamento transfronteiriços, procedimentos e autorizações alfandegários, impostos e taxas, indicaram responsáveis. 

Leia também: Anthony Barajas, astro do TikTok, morre após ser baleado em cinema nos EUA

Um dos objetivos da Macau Plaza é permitir às pequenas e médias empresas locais “agarrar a oportunidade”, afirmou a subdiretora dos Serviços de Economia e Desenvolvimento Tecnológico (DSEDT), Chan Tze Wai, na apresentação da plataforma. 

No futuro, o Governo da RAEM vai continuar a apoiar várias atividades de comércio eletrónico, nomeadamente o transfronteiriço, “para ajudar as pequenas e médias empresas locais a explorar o enorme mercado continental” chinês, sublinhou. 

Leia mais sobre o assunto: DST espera regresso de inscrição online para emissão de vistos

A gestão da plataforma é da empresa Macau Newland Global Shopping Cross-Border E-Commerce, sob autorização da associação da indústria do comércio eletrónico transfronteiriço de Macau e com o apoio da DSEDT. 

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Assine nossa Newsletter