Multidão lincha italiano acusado de assassinato em Honduras - Plataforma Media

Multidão lincha italiano acusado de assassinato em Honduras

Um cidadão italiano foi linchado na quinta-feira (8) por um grupo de pessoas de uma comunidade no sul de Honduras, que o acusam de matar um dos moradores – informou a Polícia Nacional. 

“Esta tarde, uma multidão enfurecida de cerca de 600 pessoas armadas invadiu [uma] propriedade privada com a aparente intenção de tirar a vida de um cidadão estrangeiro”, relata um comunicado. 

O ataque, durante o qual a multidão ateou fogo à residência e ao veículo da vítima, ocorreu no bairro de Los Mangos, no município de Yusguare, departamento de Choluteca, cerca de 80 quilômetros ao sul de Tegucigalpa. 

O comunicado explica que os policiais tentaram fazer uma mediação, mas os agressores “não acataram o chamado à ordem e incorreram em vários atos ilegais que levaram à morte do senhor Giorgio Scanu, a quem responsabilizaram pela morte recente de um morador”.

A Polícia informou que designou uma equipe de investigação criminal para “prender os responsáveis” e, ao mesmo tempo, ordenou aos comandantes da região sul “que agilizem a identificação e captura dos autores deste ato criminoso”.

Nos vídeos divulgados pela imprensa local, uma multidão enfurecida invade o que seria a casa da vítima.

Segundo a imprensa hondurenha, o italiano foi agredido com paus, facões e pedras, após ser acusado de ter matado o morador Juan de Dios Flores, que teria 74 anos, na noite de quarta-feira (7).

Assine nossa Newsletter