China propõe redução do consumo de energia por unidade do PIB em 3%

China propõe redução do consumo de energia por unidade do PIB em 3%

A China quer reduzir o consumo de energia em 3% por cada unidade do Produto Interno Bruto (PIB) em 2021, segundo o relatório do Governo, apresentado hoje à Assembleia Popular Nacional (APN)

Para o próximo plano quinquenal (2021-2025), que vai ser aprovado durante a sessão anual da APN, o Governo chinês prevê que o consumo de energia por unidade do PIB recue 13,5% e as emissões de dióxido de carbono 18%.

O país também anunciou hoje um “plano de acção” para que as emissões de dióxido de carbono da China atinjam o pico até 2030 e alcancem a neutralidade até 2060, uma meta previamente anunciada pelo Presidente chinês, Xi Jinping.

O relatório de trabalho do Governo, divulgado pelo primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, também observa que o país vai acelerar “novos mecanismos de comércio”, para atingir aquela meta, bem como “novas políticas para canalizar apoio financeiro para o desenvolvimento verde e com baixas emissões de carbono”.

Leia mais em Hoje Macau

Related posts
Mundo

"Sinais vitais" da Terra estão a enfraquecer, apontam cientistas

Mundo

Na 5.ª feira a Humanidade começa a viver a crédito

Cultura

Ai Weiwei em Serralves, pela justiça ambiental

LifestylePlataforma Sabores

Empresa francesa lança-se na produção de foie gras de laboratório

Assine nossa Newsletter