Ajuda às crianças na mira do Executivo angolano - Plataforma Media

Ajuda às crianças na mira do Executivo angolano

A ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira, garantiu, ontem, em Luanda, a disponibilidade do Executivo angolano em tudo fazer para ajudar as crianças a crescerem saudáveis do ponto de vista físico, psicológico e espiritual.

Carolina Cerqueira, que falava no Centro de Acolhimento Irmãs do Santíssimo Salvador, afecto à Igreja Católica, referiu estar consciente da existência de problemas como o abandono de muitas meninas nas ruas e a viverem necessidades elevadas, “mas não estamos de mãos cruzadas”.

A governante deu a conhecer a existência de vários projectos destinados a raparigas com idades entre 10 e 14 anos, muitas das quais estão alojadas no centro das Irmãs do Santíssimo Salvador, tendo referido a necessidade de fortalecer a cooperação com a Igreja Católica, no âmbito dos acordos entre o Governo de Angola e a Santa Sé.”Nós vamos ajudar a instituição e vamos colocar mais meninas aqui, por estarem em boas mãos”, disse Carolina Cerqueira que, na ocasião, saudou a entrada em vigor do novo Código Penal angolano, que apresenta penas mais agravadas no caso de cometimento de crimes de abuso sexual contra menores.

Bolsas para as melhores estudantes do Centro

A ministra da Educação, Luísa Grilo, presente no acto, garantiu a disponibilização de bolsas para as estudantes do Centro de Acolhimento das Irmãs do Santíssimo Salvador que mais se destacarem em termos de notas académicas.Depois de explicar a existência de um programa do Executivo para apoiar o desenvolvimento da jovem mulher no país, Luísa Grilo apresentou o seu testemunho de vivência numa instituição afecta à Igreja Católica.

Leia mais em Jornal de Angola

Assine nossa Newsletter