Governo minimizou alertas de Manaus - Plataforma Media

Governo minimizou alertas de Manaus

O presidente Jair Bolsonaro, em 28 de dezembro de 2020, esteve no Estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP), onde boicotou mais uma vez medidas sanitárias contra a covid-19. Em declaração à imprensa, ainda no gramado, o presidente elogiou protestos feitos em Búzios (RJ), Fortaleza (CE) e Manaus (AM) contra o fechamento do comércio. “Sei que a vida não tem preço. Mas não precisa ficar com esse pavor todo”, disse o presidente. “Vi que o povo em Manaus ignorou o decreto do governador do Amazonas.”

As manifestações na cidade levaram o governador a recuar e reabrir o comércio no Estado. Menos de um mês depois, Manaus vive o pior momento da pandemia, com colapso no sistema de saúde e falta de oxigênio para pacientes da covid-19 e até bebês prematuros.

Leia mais em Istoé

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Artigos relacionados
BrasilSociedade

Governo brasileiro usa avião para levar oxigénio para Manaus

BrasilSociedade

Perdeu o pai e a mãe no mesmo dia por falta de oxigénio em hospital de Manaus

BrasilSociedade

"Oxigénio acabou e hospitais de Manaus viraram câmara de asfixia"

Sociedade

Sem espaço para enterrar as vítimas da Covid-19, Manaus empilha caixões

Assine nossa Newsletter