Obama, Bush e Clinton oferecem-se para levar vacina contra covid-19 é provar que é segura - Plataforma Media

Obama, Bush e Clinton oferecem-se para levar vacina contra covid-19 é provar que é segura

Com exceção de Donald Trump, os três últimos ex-presidentes dos Estados Unidos, Barack Obama, George W. Bush e Bill Clinton afirmam ter confiança na vacina enquanto EUA vivem período mais sombrio da pandemia.

Com exceção de Donald Trump, os três últimos ex-presidentes dos Estados Unidos, Barack Obama, George W. Bush e Bill Clinton, anunciaram que estão dispostos a serem vacinados contra a Covid-19 publicamente para promover a confiança no imunizante, assim que ele estiver disponível e for considerado seguro pelo FDA, órgão americano responsável pela regulação de medicamentos.

Freddy Ford, porta-voz de Bush, disse em entrevista à CNN que o republicano, que governou os EUA de 2001 a 2009, entrou em contato com Anthony Fauci, diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas, e com Deborah Birx, coordenadora da resposta da Casa Branca ao coronavírus, para saber como ele poderia ajudar a promover a vacina.

“Quando for a hora certa, ele [Bush] quer fazer o que puder para ajudar a encorajar os cidadãos a serem vacinados”, disse Ford. “Primeiro, as vacinas precisam ser consideradas seguras e administradas aos grupos prioritários. Então, o presidente Bush entrará na fila para receber a sua, e ficará feliz em fazê-lo diante das câmeras.”

Leia mais em Folha de S.Paulo

Artigos relacionados
BrasilPolítica

Vacinas contra a covid-19 começam a ser distribuídas

BrasilSociedade

Primeira a ser vacinada com a Coronavac no Brasil é mulher, negra e enfermeira

PortugalSociedade

Pai e filho infetados com covid encontrados mortos em casa

BrasilSociedade

Anvisa decide autorização emergencial para uso de vacinas

Assine nossa Newsletter