Ex-polícia que sufocou George Floyd libertado após pagar fiança de um milhão de dólares - Plataforma Media

Ex-polícia que sufocou George Floyd libertado após pagar fiança de um milhão de dólares

Derek Chauvin aguardará julgamento por homicídio em liberdade condicional

Derek Chauvin, 44, ex-policial de Minneapolis que usou o joelho para sufocar e matar, em maio, o ex-segurança negro George Floyd, foi libertado após pagar fiança de US$ 1 milhão (R$ 5,62 milhões).

Ele é alvo de processo por homicídio com intenção de matar. O assassinato de Floyd gerou uma onda de protestos pelo fim do racismo e da violência policial nos EUA e em todo o mundo.

Leia mais em Folha de S.Paulo.

Este artigo está disponível em: English 繁體中文

Artigos relacionados
BrasilSociedade

Polícia brasileira detém funcionária do Carrefour envolvida na morte de cidadão negro

BrasilSociedade

Família faz queixa na polícia contra escola que tapou foto de aluna negra em publicidade

BrasilSociedade

Racismo no Brasil. Jovem negro diz ter sido torturado ao tentar comprar um telemóvel num supermercado

BrasilSociedade

ONU condena "racismo estrutural" do Brasil após homicídio de homem negro por seguranças brancos

Assine nossa Newsletter