Movimento "Sem Adeptos Não Há Futebol" quer regresso aos estádios - Plataforma Media

Movimento “Sem Adeptos Não Há Futebol” quer regresso aos estádios

Objetivo do ex-presidente da direção do Leixões e principal acionista da SAD é aproveitar o desagrado da maior parte das instituições e exercer, com racionalidade, uma pressão positiva sobre as autoridades que têm o poder de decisão.

O presidente da Assembleia Geral do Leixões, Paulo Lopo, criou o Movimento Sem Adeptos Não Há Futebol, subscrito por dezenas de personalidades do futebol, que pretende pressionar as autoridades competentes a autorizarem o regresso do público aos estádios.

“Senti que havia uma inércia de todos os clubes, incluindo os grandes, e em conversa com outros presidentes, meus amigos, verifiquei que pensavam o mesmo que eu e não se manifestavam. Muitos deles diziam-me tu é que devias pegar nisto porque nós não estamos organizados’ e decidi deitar mãos à obra”, explicou Paulo Lopo, em declarações à Agência Lusa.

Leia mais em TSF.

Artigos relacionados
BrasilSociedade

Metade dos moradores de São Paulo e Rio deixaria as cidades se pudesse

BrasilSociedade

No Brasil, casos de covid-19 caem 19% e mortes diminuem 17%

Mundo

Madrid decreta recolher obrigatório

PortugalSociedade

Surto de covid-19 na GNR do Porto após almoços-convívio

Assine nossa Newsletter