Público nos estádios e discotecas abertas? "Não será nos próximos tempos" - Plataforma Media

Público nos estádios e discotecas abertas? “Não será nos próximos tempos”

As autoridades de Saúde acreditam que não é tempo de fazer experiências no regresso de público ao futebol e discotecas, referindo que neste momento há um foco no início do ano letivo.

A poucos dias do regresso às aulas, e já depois de várias escolas privadas terem aberto as portas, Graça Freitas adiou o regresso do público aos estádios de futebol e a reabertura das discotecas, dando a entender que esta não é a prioridade.

A diretora-geral da Saúde juntou os dois temas e assegurou que tanto os estádios com assistência como a reabertura de discotecas não vai acontecer “nos próximos tempos”, até porque o início do ano letivo é uma “fase muito importante” para a evolução da pandemia em Portugal.

“Manda a precaução que num momento como este não ensaiemos novas medidas” que possam gerar mais casos, tendo também em conta o aumento dos números das últimas 24 horas, alerta Graça Freitas.

Leia mais em TSF

Este artigo está disponível em: English

Artigos relacionados
PortugalSociedade

Maioria aprova máscaras obrigatórias na rua, mas não usa Stayaway Covid

EconomiaMoçambique

Moçambique não deverá melhorar o rating até final de 2021

ChinaSociedade

Covid-19: China soma 22 casos locais e 20 oriundos do exterior

BrasilEconomia

Dívida Pública brasileira sobe 2,59% em setembro e atinge 670 mil ME

Assine nossa Newsletter