Padre critica fiéis que não vão à missa por medo da Covid: "Tomara que morram antes da vacina chegar" - Plataforma Media

Padre critica fiéis que não vão à missa por medo: “Tomara que morram antes da vacina chegar”

O padre brasileiro Antônio Firmino desejou que católicos que não estão indo à missa por causa da pandemia do novo coronavírus morram antes da distribuição de uma vacina

A declaração foi dada durante uma missa realizada no domingo (23) na paróquia São João Batista, em Visconde do Rio Branco, Minas Gerais. A cerimônia foi transmitida ao vivo pelas redes sociais.

A fala do padre ocorreu durante os avisos, quase ao final de missa, em que ele mencionou os horários das próximas celebrações e ressaltou que igreja tem seguido todas as recomendações de distanciamento. “Então, a gente vai vendo quem realmente ama a eucaristia”, disse ele.

“Porque tem alguns católicos, engraçado, que tem saúde tem tudo e dizem: ‘Eu só vou na igreja quando tiver a vacina’. Tomara que não apareça vacina para essas pessoas. Ou que morram antes da vacina chegar. Porque existem pessoas que não têm problema nenhum, que não estão no grupo de risco. Mas isso significa que a pessoa não tem fé nenhuma”, concluiu o padre.

Leia mais em ISTOÉ

Artigos relacionados
ChinaMacau

Um País, Dois Critérios

Lifestyle

Gibraltar, o ninho de amor onde os estrangeiros se casam na pandemia

PolíticaPortugal

António Costa rejeita colocar idosos fora do acesso prioritário às vacinas

Primeira-ministra da Dinamarca chora e pede desculpa pela gestão da crise dos visons

Assine nossa Newsletter