Golpe de Estado no Mali recebe repúdio internacional - Plataforma Media

Golpe de Estado no Mali recebe repúdio internacional

Os militares que tomaram o poder no Mali e forçaram o Presidente Ibrahim Boubacar Keita a demitir-se afirmaram, ontem, que pretendem uma “transição política civil” que conduza a eleições gerais dentro de um “prazo razoável”

“Nós, as forças patrióticas agrupadas no Comité Nacional para a Salvação do Povo (CNSP), decidimos assumir as nossas responsabilidades perante o povo e perante a História”, disse o porta-voz dos militares e vice-chefe de Estado-Maior da Força Aérea, coronel Ismaël Wagué, numa declaração emitida às 3h40 (4h40 em Luanda) pela televisão pública, ORTM, cita a Lusa.

“O nosso país afunda-se dia após dia no caos, na anarquia e na insegurança, por culpa dos homens encarregados do seu destino”, acusou o oficial, denunciando o “clientelismo político” e “a gestão familiar dos assuntos do Estado”. 

Leia mais em Jornal de Angola.

Este artigo está disponível em: English 繁體中文

Related posts
MundoPolítica

Europa recusar financiamento do gás a África é "moralmente indefensável"

ChinaPolítica

MNE chinês inicia visita ao leste de África com olhos postos no Índico

MundoPolítica

Poder político africano deve apostar na sensibilização das comunidades

EconomiaMundo

Comércio livre em África ajuda a recuperar da pandemia

Assine nossa Newsletter