Técnicos da ONU chegam à Maurícia para ajudar a conter derrame de combustível

por Filipe Sousa

O petroleiro japonês, que transportava 3.800 toneladas de fuelóleo e 200 de gasóleo, embateu em um recife em Pointe d’Esny.

ma equipa de técnicos da ONU chegou esta terça-feira à ilha Maurícia para participar nos esforços de contenção do derrame de hidrocarbonetos para impedir estragos maiores no ambiente, uma vez que apareceram novas fissuras no casco do navio acidentado.

Equipas de intervenção estavam envolvidas numa corrida contrarrelógio para recolher os hidrocarbonetos que derramaram do graneleiro “MV Wakashio”.

O barco, pertencente a um armador japonês, que transportava 3.800 toneladas de fuelóleo e 200 de gasóleo, embateu em um recife em Pointe d’Esny.

A equipa composta de técnicos de diversas agências da ONU vai dar “apoio aos esforços para atenuar o impacto da fuga de petróleo sobe os recursos naturais e a população”, indicou a missão da ONU na Maurícia, em comunicado.

Pode também interessar

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!