Pressão para Facebook ter especialista em direitos civis na direção da empresa

por Filipa Rodrigues

Boicote à publicidade é apenas uma das muitas pressões que a rede social enfrenta

A direção do Facebook, incluindo seu executivo-chefe, Mark Zuckerberg, e a diretora de operações, Sheryl Sandberg, deverão se reunir no início da próxima semana com grupos de direitos civis que pediram um boicote publicitário à empresa como forma de lidar com discurso de ódio e desinformação.

Um dos principais pedidos dos grupos é que o Facebook contrate um executivo com experiência em direitos civis para ocupar um cargo na direção da gigante das redes sociais.

“Se eles tiverem uma liderança em direitos civis, com experiência em direção executiva, a empresa terá de se responsabilizar por esses assuntos”, disse Jonathan Greenblatt, executivo-chefe da Liga Antidifamação, um dos organizadores do boicote.

Leia mais em Folha de S. Paulo.

Pode também interessar

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!