Ministro da Saúde admite que Brasil pode chegar aos mil mortos por dia - Plataforma Media

Ministro da Saúde admite que Brasil pode chegar aos mil mortos por dia

O ministro ainda admitiu que o Brasil pode vir a registrar cerca de 1 mil mortes por dia. Ontem foram registradas mais 435. E considerou que medidas de flexibilização já anunciadas correm o risco de ser canceladas.

O ministro da Saúde, Nelson Teich, defendeu as medidas de ampliação de isolamento social anunciadas pelos governos de São Paulo, Rio e Amazonas, como resposta ao aumento de casos de óbitos e contaminações do novo coronavírus.

As gestões paulista e fluminense são alvo de críticas diárias do presidente Jair Bolsonaro, que chegou a dizer que o aumento de mortes seria culpa do isolamento social adotado pelos Estados. Indagado sobre o aumento das restrições de circulação, o ministro disse que se trata de uma “medida coerente” e, dada a situação desses Estados, é o que precisa ser realmente feito. “Se você tem lugares com aumento de incidência e mortalidade, a primeira coisa é aumentar o distanciamento para diminuir o contágio”, disse Teich. “É uma medida absolutamente natural diante do número de casos.”

Leia mais em Istoé

Artigos relacionados
PortugalSociedade

Portugal com mais 64 mortos e 4093 casos de covid-19

PortugalSociedade

Vacina portuguesa para a covid-19 em fase de testes com ratinhos

Lifestyle

Sugestões para a árvore de Natal em tempo de Covid-19

MundoSociedade

Europa ultrapassa 400.000 mortes provocadas pelo novo coronavírus

Assine nossa Newsletter