Covid-19: Excesso de mortalidade nos mais velhos altera estrutura etária de Portugal - Plataforma Media

Covid-19: Excesso de mortalidade nos mais velhos altera estrutura etária de Portugal

A mortalidade por Covid-19 nos idosos levou a um rejuvenescimento da estrutura etária em Portugal, onde se registou um excesso de 12 mil mortes em 2020, avança um relatório do Conselho Nacional de Saúde (CNS) esta segunda-feira divulgado.

“O facto de os indivíduos mais velhos terem sido os mais atingidos pela mortalidade por Covid-19 tem um impacto nas tendências de envelhecimento da população. No curto prazo, regista-se um certo rejuvenescimento da estrutura etária – não por aumento da natalidade, mas por decréscimo da sua população mais velha – e uma diminuição do índice de longevidade”, adianta o relatório “Pandemia de Covid-19: Desafios para a saúde dos portugueses”.

Segundo o documento deste órgão independente de consulta do Governo, em 2020, primeiro ano da pandemia, registou-se um excesso de cerca de 12 mil óbitos, comparando com o número médio de mortes observadas entre 2016 e 2019.

Leia mais em TSF

Assine nossa Newsletter