Ampliação das atuais instalações da EPM ainda por decidir

Ampliação das atuais instalações da EPM ainda por decidir

A ampliação das atuais instalações da Escola Portuguesa de Macau não deve avançar em 2022, embora o estabelecimento de ensino tenha necessidade de criar mais salas de aula, para responder ao aumento da procura. Atualmente frequentam a EPM 686 estudantes e já não há espaço para continuar a ter mais alunos

A ampliação da EPM ainda está por decidir. Fontes contactadas pela TDM-Rádio Macau garantem que numa primeira fase é urgente criar mais espaço na sede da Escola Portuguesa de Macau. Estão em funcionamento 39 salas de aulas e é muito provável que haja necessidade de criar mais, mas as atuais instalações já não o comportam.

O projeto de ampliação de maior dimensão, que chegou a ter luz verde do Conselho do Planeamento Urbanístico, em junho de 2020, foi abandonado, por se tratar de uma obra que exigia um investimento de 200 milhões de patacas.

Leia também: Manuel Machado toma hoje posse como director da EPM até 2024

A ampliação da EPM está por decidir, mas a aposta pode passar agora por ampliar a chamada ala nova, construída na fase final da administração portuguesa, ou aproveitar o bloco do atual ginásio e os terrenos do campo de jogos, para criar novas salas de aulas.

Leia mais em TDM

Related posts
MacauSociedade

EPM: Ano lectivo arrancou esta manhã para mais de 680 alunos

MacauSociedade

DSEDJ antecipa fim do ano letivo devido à situação pandémica

MacauSociedade

Exames decorrem na Escola Portuguesa de Macau apesar de surto

SociedadeTimor-Leste

Escola Portuguesa de Díli no quarto lugar mundial em calculo matemático

Assine nossa Newsletter