Brutalidade policial sobre africanos em Portugal choca ONU - Plataforma Media

Brutalidade policial sobre africanos em Portugal choca ONU

Peritos do grupo de trabalho das Nações Unidas sobre Pessoas de Ascendência Africana, que estão em Portugal, ficaram surpreendidos e chocados com os relatos sobre brutalidade policial no nosso país, mas também com a presença do passado colonial português.

A delegação está em Portugal desde o dia 29 de novembro, a convite do Governo português, para reunir informação sobre quaisquer formas de racismo, discriminação racial, xenofobia, afrofobia ou outras intolerâncias, a fim de avaliar a situação global dos direitos humanos das pessoas com ascendência africana em Portugal.

As primeiras conclusões e algumas recomendações foram apresentadas, esta segunda-feira, numa conferência de imprensa, em Lisboa, na qual a presidente do Grupo de Trabalho de Peritos das Nações Unidas sobre Pessoas de Ascendência Africana disse ter ficado “surpreendida com o número e a dimensão de relatos credíveis sobre brutalidade policial”.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter