Talibãs avisam que "haverá consequências" caso seja alargado o prazo de saída das tropas dos EUA

Talibãs avisam que “haverá consequências” caso seja alargado o prazo de saída das tropas dos EUA

Suhail Shaheen, porta-voz dos talibãs, indica em entrevista à Sky News que o grupo extremista islâmico não está disponível para chegar a acordo no que se refere a um eventual prolongamento da permanência das tropas dos EUA no Afeganistão. “É uma linha vermelha”, disse.

É no final deste mês que termina o prazo traçado para a retirada das tropas norte-americanas do Afeganistão, mas o presidente dos EUA, Joe Biden, já admitiu que a presença militar pode estender-se por mais tempo no país. Se tal acontecer, “haverá consequências”, avisa Suhail Shaheen, porta-voz dos talibãs, em entrevista à Sky News.

“É uma linha vermelha. O presidente Joe Biden anunciou que a 31 de agosto retiraria todas as tropas norte-americanas. Portanto, se ele prolongar esse prazo, significa que está a prolongar uma ocupação que já não é necessária”, argumentou Suhail Shaheen.

Leia mais em Diário de Notícias

Assine nossa Newsletter