Covid-19: Governo de Macau pode adiar início do ano letivo e quer fazer testes - Plataforma Media

Covid-19: Governo de Macau pode adiar início do ano letivo e quer fazer testes

O Governo não descarta a possibilidade de adiar o início de um novo ano lectivo devido ao regresso de mais de três mil alunos transfronteiriços. Há também a ideia de testar os alunos e professores antes do regresso às aulas

A Direcção dos Serviços de Educação e Desenvolvimento da Juventude (DSEDJ) está a ponderar adiar o regresso às aulas devido ao retorno ao território de mais de três mil alunos transfronteiriços de zonas como Zhuhai ou Zhonghshan. A ideia foi deixada ontem na habitual conferência do Centro de Coordenação e de Contingência do novo tipo de coronavírus por Wong Ka Ki, representante da DSEDJ.

“O nosso plano é, se a situação não estiver estável, ponderar o adiamento do ano lectivo. Se for retomado o ensino presencial, uma grande parte dos alunos regressa do Interior da China e poderá colocar em risco o regresso às aulas. Depois da pandemia de Agosto, e estando atenuada a situação, estamos a desenvolver diferentes planos de contingência”, frisou.

Leia mais em Hoje Macau

Related posts
MacauSociedade

Aumentou para quase o dobro o número de vacinações

MacauSociedade

Governo diz que não obriga ninguém a ser vacinado contra a covid-19

MacauSociedade

Pouco mais de 10 escolas aderiram ao plano de vacinação

EconomiaMacau

Governo da RAEM injetou na economia local 400ME em três meses

Assine nossa Newsletter