Governador da Nigéria pede a cidadãos que comprem armas

Governador da Nigéria pede a cidadãos que comprem armas

O governador de um estado nigeriano pediu aos cidadãos que adquirissem armas para se defenderem de gangues de criminosos armados que realizam sequestros para obter resgate.

Aminu Masari, o governador do estado de Katsina, no noroeste, culpou os cidadãos pelos ataques contínuos de gangues armadas, noticiou a BBC.

Ele disse que os agressores foram encorajados pelo que ele chamou de “submissão mansa” das pessoas às suas ameaças.

O governador fez os comentários na terça-feira durante uma visita à cidade de Jibia – uma das comunidades afetadas pela violência recente.

O ministro da Defesa da Nigéria foi severamente criticado por fazer comentários semelhantes em fevereiro.

Muitos vêem esses comentários de altos funcionários como uma admissão pública do fracasso do governo em lidar com a insegurança – e uma forma de transferir a responsabilidade para o público.

Os críticos dizem que encorajar as pessoas a obter armas para enfrentar grupos fortemente armados pode complicar ainda mais os problemas generalizados de segurança da Nigéria.

Nos últimos dois anos, gangues armadas, localmente chamadas de bandidos, sequestraram milhares de pessoas para pedir resgate – incluindo crianças em idade escolar.

A violência deixou muitas pessoas mortas e milhões fugiram de suas casas.

Assine nossa Newsletter