Pintora Paula Rego participa na exposição "Diversity United"

Pintora Paula Rego participa na exposição “Diversity United”

A artista portuguesa Paula Rego vai estar representada na exposição transnacional “Diversity United”, com trabalhos de 90 artistas de 34 países, que irá viajar por Berlim, Moscovo e Paris, de maio a julho, para promover a arte contemporânea europeia.

“Diversity United. Contemporary European Art” é o título da exposição, de elogio à diversidade, que deverá ser inaugurada a 04 de maio, em Berlim, para mostrar a vitalidade da arte atual nos países do continente europeu, desde Portugal à Rússia, da Noruega à Turquia.

A mostra, iniciativa da Foundation for Art and Culture – Bonn, uma organização privada alemã, sem fins lucrativos, fundada em 1986 para apoiar projetos artísticos e culturais, irá reunir artistas de várias gerações, géneros e regiões da Europa, focando temas como liberdade, democracia, migrações, território, identidade pessoal e política.

Além de Paula Rego, entre os 90 artistas de várias gerações e nacionalidades, com obras representadas, estarão Anselm Kiefer, Adrian Ghenie, Gilbert & George, Antony Gormley, Manuel Graf, Boris Mikhailov, Yan Pei–Ming, Richard Mosse, Ekaterina Muromtseva, Ulla von Brandenburg, Sanja Iveković, Isaac Julien, Georg Baselitz e Cristina Lucas, de Espanha.

O objetivo da mostra é também sublinhar a importância da arte e da interação social, segundo Walter Smerling, presidente da fundação e mentor do projeto: “A exposição pode ser entendida como um comentário sobre o tempo que vivemos, colocando perguntas sobre o atual e o desejado estado da liberdade, dignidade e respeito. Terá o poder de surpreender-nos com trabalhos visionários e poéticos, ilustrando as faces criativas da Europa em toda a sua incrível diversidade”.

Serão ainda convidados cerca de 20 artistas a criar novas obras, comissionadas pela organização.

Os artistas representados têm origem ou vivem na Albânia, Bélgica, Bósnia e Herzegovina, Bulgária, Dinamarca, Alemanha, Estónia, Finlândia, França, Grécia, Irlanda, Islândia, Itália, Kosovo, Croácia, Letónia, Moldávia, Países Baixos, Noruega, Áustria, Polónia, Roménia, Rússia, Suíça, Suécia, Sérvia, Eslováquia, Espanha, República Checa, Turquia, Hungria, Ucrânia e Reino Unido.

Related posts
CulturaMoçambique

Pintor percorre seis quilómetros para vender obras em Maputo

CulturaMacau

“Profound”, exposição de David Sheekwan, abre hoje portas

CulturaMundo

“Game Changer”, de Banksy, atinge novo recorde em leilão com 19,4 milhões de euros

Lifestyle

Quadro pintado por Churchill vendido por 7 milhões de libras

Assine nossa Newsletter