Covid-19: Índia abre campanha de inoculação com duas vacinas - Plataforma Media

Covid-19: Índia abre campanha de inoculação com duas vacinas

A Índia autorizou duas vacinas contra a Covid-19, abrindo caminho para um enorme programa de inoculação para travar a pandemia do novo coronavírus no segundo país mais populoso do mundo.

O regulador de medicamentos da Índia deu uma autorização de emergência para as vacinas desenvolvidas pela Universidade de Oxford e pela biofarmacêutica AstraZeneca, e outra desenvolvida pela empresa indiana BharatBiotech.

O plano inicial de vacinação do país visa vacinar 300 milhões de pessoas até Agosto, desde trabalhadores da Saúde a pessoal da linha de frente, incluindo a Polícia e aquelas consideradas mais vulneráveis devido à sua idade ou outras doenças.

O Instituto Serum da Índia, a maior empresa mundial de fabrico de vacinas, foi contratado pela AstraZeneca para fazer mil milhões de doses para nações em desenvolvimento, incluindo a Índia. Na sexta-feira, O Reino Unido foi o primeiro a aprovar a vacina.

A outra vacina conhecida como Covaxin é desenvolvida pela Bharat Biotech, em colaboração com agências governamentais.

Leia mais em Jornal de Angola

Este artigo está disponível em: English

Artigos relacionados
MundoPolítica

Cimeira da UE: 27 Estados-membros discutem passaporte europeu de vacinação

BrasilSociedade

Vacinação contra a covid-19 no Brasil começa em todo o país

Angola

Angola e Índia analisam cooperação nos setores da indústria e comércio

BrasilPolítica

Pazuello mente ao dizer que tem vacina em mãos e acusa Doria de marketing

Assine nossa Newsletter