Veículos de Macau vão poder circular por toda a província de Guangdong

Veículos de Macau vão poder circular por toda a província de Guangdong

As autoridades chinesas estão a estudar a possibilidade de virem a autorizar estender a circulação de veículos com a matrícula de Macau a toda a província de Guangdong

De acordo com a proposta de regulamento em apreciação, as entradas e saídas vão utilizar a fronteira de Zhuhai, via ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau.

Até agora a circulação está limitada a uma quota de 5.000 veículos com matrícula única de Macau (era de 2.500 até julho passado) e apenas para Zhuhai e Hengqin, cidades fronteiriças do território, pertencentes à província de Gunagdong.

O documento estabelece que os veículos que vão poder circular precisam de possuir uma licença eletrónica temporária, com um período máximo de validade de um ano. Os portadores dessa licença podem circular pela província as vezes que entenderem, dentro do período de validade, podendo ali permanecer continuamente por 30 dias após a entrada e o tempo de presença acumulado não pode exceder os 180 dias.

De acordo com o projeto em consulta, designado “Medidas Administrativas da Província de Guangdong sobre a Entrada e Saída de Veículos Motorizados de Macau pela Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau, Posto de Zhuhai no Continente”, estas aplicam-se à gestão dos titulares de licenças de entrada temporária para veículos motorizados, aos condutores que entram e saem temporariamente da Província de Guangdong e aos que conduzem na Província de Guangdong, significando que a circulação com matrícula de Macau será estendida de Hengqin a toda a província.

Os proprietários de veículos de Macau que cumpram as condições e normas de aplicação devem requerer às alfândegas de Zhuhai e Macau, e respetivas inspeções de fronteira, os procedimentos de registo de veículos e condutores para entrar e sair do Continente, assim como dirigir-se ao Serviço de Gestão de Tráfego Público de Zhuhai, Departamento de Segurança, para emissão da “Licença Eletrónica de Veículo Motorizado de Entrada Temporária”.

O documento em estudo estabelece ainda que os veículos de Macau se restringem às rodovias da área administrativa da província de Guangdong. Devem apresentar a placa de matrícula de viatura de Macau assim como o certificado de seguro obrigatório de responsabilidade civil de acidentes de trânsito, significando que não serão afetados pelas políticas de restrição de Guangzhou, Shenzhen e outras cidades. 

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Artigos relacionados
AngolaSociedade

Caos nas autorizações para entrar e sair de Luanda

AngolaTransportes

Luanda retoma circulação de comboios suburbanos

Sociedade

Macau vai pedir acesso a Hong Kong para casos médicos urgentes

Assine nossa Newsletter