Início Portugal PSD nega acordo nacional com o Chega

PSD nega acordo nacional com o Chega

Paula Sá

Não há acordo nacional do PSD com o Chega para a revisão constitucional”, garantiu esta tarde de sexta-feira o vice-presidente do PSD e deputado André Coelho Lima. Isto depois de um violento ataque do PS que acusou Rui Rio de vender a “dignidade” para conseguir viabilizar o governo nos açores liderado pelo seu partido.

André Coelho Lima garantiu aos jornalistas que o PSD apenas transmitiu ao partido de André Ventura os princípios de um futuro projeto de revisão constitucional do PSD, entre os quais a redução do número de deputados, que é uma das propostas que o Chega também defende na sua proposta de alteração da Lei Fundamental. O deputado social-democrata lembrou, no entanto, que as alterações constitucionais carecem de uma maioria de dois terços, ou seja, “um amplo consenso”.

O vice-presidente de Rui Rio admitiu conversações a nível regional entre os dois partidos e que deram também origem ao anúncio de que o Chega viabilizará o governo de coligação PSD/CDS/PPM nos Açores. Mas garantiu que o PSD nunca “transigirá” nos princípios que defende.

Leia mais em Diário de Notícias

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!