França proibe venda de produtos não essenciais em supermercados - Plataforma Media

França proibe venda de produtos não essenciais em supermercados

O governo francês decidiu proibir a venda de produtos não essenciais em supermercados para equilibrar a concorrência com os estabelecimentos que serão fechados pelo novo lockdown no país.

Até esta quarta (4), os varejistas terão de impedir o acesso dos clientes às prateleiras onde ficam as roupas, louças, os brinquedos e livros.

A rede de livrarias e eletrônicos Fnac também não poderá vender itens que não são considerados fundamentais para o home office, como televisores.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Artigos relacionados
MundoSociedade

França regista recorde de novos casos e 418 mortes em 24 horas

EconomiaMundo

Previsões económicas na zona Euro são cortadas com novos confinamentos

MundoSociedade

Boris Johnson anuncia novo confinamento na Inglaterra

MundoPolítica

Novo confinamento anunciado em França

Assine nossa Newsletter