Migrantes fugiram de um quartel do Exército em Tavira. Um está infetado com Covid-19 - Plataforma Media

Migrantes fugiram de um quartel do Exército em Tavira. Um está infetado com Covid-19

17 migrantes fugiram do quartel de Tavira durante a madrugada. Dois foram detidos, um dos quais com um pé partido na fuga

Um dos 17 migrantes que fugiram esta madrugada do Quartel de Tavira, está infetado com Covid-19. De acordo com informações recolhidas pelo DN junto a fontes que estão a acompanhar o caso, este migrante testou positivo esta semana e não estava ainda isolado com os outros dois positivos, detetados logo à chegada deste grupo, proveniente de Marrocos, dia 15 de setembro.

O SEF faz saber que dois dos migrantes foram detidos, um dos quais teve de ser hospitalizado. Ao que o DN apurou, terá partido um pé quando saltou da janela do primeiro andar do quartel.

Os migrantes fizeram uma corda com os resguardos dos colchões e saíram por uma janela. Estavam nesta situação quando a PSP detetou a fuga e deu o alarme. Ficaram ainda para trás outros sete, dois dos quais os que estavam isolados com Covid-19.

O grupo chegou ao Algarve em setembro e estava no quartel a “fazer a quarentena profilática”, refere o SEF em comunicado enviado às redações.

“As autoridades policiais já localizaram dois cidadãos, tendo um sido transportado para o Hospital de Faro, depois de se ter ferido num pé durante a fuga, e outro encontra-se nas instalações da PSP de Tavira”, lê-se na nota.

Leia mais em Diário de Notícias

Este artigo está disponível em: English

Related posts
MundoSociedade

EUA: Centenas de migrantes deportados são "largados" em zona perigosa do México

MundoPolítica

Médicos sem Fronteiras manifesta preocupação com migrantes que rumam aos EUA

Política

'Não venham', alerta Biden a migrantes que tentam entrar nos EUA

MundoSociedade

Migrantes pelo mundo chegam aos 281 milhões

Assine nossa Newsletter