Francês que tentou "deixar-se morrer" em direto aceita voltar a comer -

Francês que tentou “deixar-se morrer” em direto aceita voltar a comer

O francês Alain Cocq, que sofre de uma doença incurável e tentou “deixar-se morrer” em direto, no Facebook, aceitou voltar a alimentar-se.

“Já não conseguia continuar esta luta”, disse Cocq, de 57 anos, no Hospital Universitário de Dijon, onde foi admitido na segunda-feira após quatro dias de interrupção de seu tratamento e alimentação.

O francês afirmou ainda que poderá voltar para casa “em sete a dez dias”. “É o tempo de recuperar e montar uma equipa de hospitalização em casa”, acrescentou, em declarações à AFP.

Leia mais em Jornal de Notícias

Related posts
MundoSociedade

Francês quer transmitir ao vivo a sua morte após recusa de eutanásia

Assine nossa Newsletter