Morreu o realizador e voz do 25 de Abril, Luís Filipe Costa - Plataforma Media

Morreu o realizador e voz do 25 de Abril, Luís Filipe Costa

Figura do cinema e da rádio, Luís Filipe Costa é também reconhecido pela intervenção nas ações que vieram a desencadear a Revolução dos Cravos.

orreu o antigo diretor do serviço de noticiários do Rádio Clube Português e também pai do cineasta Pedro Costa, durante esta madrugada, aos 84 anos. Luís Filipe Costa foi jornalista e realizador, bem como radialista e argumentista, tendo iniciado a carreira no extinto Rádio Clube Português e como rádio-ator da Emissora Nacional.

Foi no Rádio Clube Português que Luís Filipe Costa interveio na Revolução do 25 de Abril, ao ler comunicados do Movimento das Forças Armadas. Os ideais revolucionários levaram-no a integrar, desde muito cedo, o Grupo Surrealista de Lisboa e o movimento político MUD Juvenil.

Já na RTP, passou a exercer funções de jornalista, realizador e argumentista. Entre as suas obras, constam “Happy End” (telefilme, entre os 30 que assinou) e “Era Uma Vez Um Alferes”, adaptado a partir de “Mistérios de Lisboa”, de Camilo Castelo Branco. Séries como “Uma Cidade Como a Nossa”, “Arroz Doce”, “Polícias”, “Estúdio Um” e “Esquadra de Polícia” são também da sua autoria.

Leia mais em TSF

Related posts
CulturaMacau

FRC: Garcia Leandro fala das consequências do 25 Abril em Macau

CulturaPortugal

Álbuns de José Afonso lançados entre 1968 e 1981 vão ser reeditados

PolíticaPortugal

25 Abril: Ferro pede ao parlamento para ultrapassar “bloqueios” e honrar legado dos constituintes

Uncategorized

"Deixarei na janela cravos vermelhos." A mensagem de Chico Buarque no 25 de Abril

Assine nossa Newsletter