Covid-19: Mais 75 infetados em 24 horas elevam total em Cabo Verde a 1.698 casos - Plataforma Media

Covid-19: Mais 75 infetados em 24 horas elevam total em Cabo Verde a 1.698 casos

Cabo Verde confirmou este domingo mais 75 infetados pelo novo coronavírus, entre 635 amostras analisadas nas últimas 24 horas, elevando o acumulado desde 19 de março a 1.698 casos, segundo dados do Ministério da Saúde.

Em comunicado, o ministério referiu que os laboratórios de virologia do arquipélago processaram e confirmaram casos positivos de covid-19 nas ilhas de Santiago, Sal e São Nicolau.

Referente à ilha de Santiago, foram processadas 122 amostras da Praia (17 positivos), 33 amostras de Santa Cruz (04), 146 amostras de Santa Catarina (14), 40 amostras do Tarrafal (07) e 54 amostras da Ribeira Grande (01).

Das 173 amostras analisadas da ilha do Sal, 29 deram resultado positivo para covid-19, e das 47 amostras da ilha de São Nicolau, três deram positivo.

As duas amostras analisadas da ilha de São Vicente deram resultado negativo, de acordo com o mesmo comunicado.

Com este registo, elevam-se a 1.698 casos acumulados de covid-19 em Cabo Verde desde 19 de março, com 19 óbitos e 732 dados como recuperados.

A Praia, na ilha de Santiago, com um total acumulado de mil casos (1.292 no total da ilha de Santiago), e a ilha do Sal, com 318 casos, todos desde 01 de junho, são os principais focos da doença no arquipélago.

Desde que o novo coronavírus foi detetado na China, em dezembro do ano passado, a pandemia da doença covid-19 já provocou mais de 565 mil mortos e infetou mais de 12,74 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo o balanço mais recente feito pela agência AFP.

Artigos relacionados
Cabo VerdeSociedade

Covid-19: Mais 23 casos em Santiago elevam para 2.858 infeções em Cabo Verde

Cabo VerdeSociedade

Covid-19: Cabo Verde regista mais duas mortes

Cabo VerdeSociedade

FAO fornece sementes a 1.300 famílias cabo-verdianas devido à seca

Cabo VerdeSociedade

Covid-19: Mais 63 infetados e um morto em Cabo Verde nas últimas 24 horas

Assine nossa Newsletter

Vale a pena ler...
Governo angolano admite recuar no desconfinamento e adiar reinício das aulas