Função Pública só aceita teletrabalho com mais dinheiro - Plataforma Media

Função Pública só aceita teletrabalho com mais dinheiro

Sindicatos exigem aumentos salariais ou progressões na carreira. Governo e parceiros sociais começam a negociar hoje as alterações a esta modalidade de trabalho.

Está marcada para hoje a primeira de três reuniões em que vão ser negociadas as alterações à regulamentação do teletrabalho na Administração Pública (AP). O Governo defende que “há margem para densificar o que for preciso na lei”, para que o recurso a este regime “possa acontecer de forma mais generalizada”. Os sindicatos estão dispostos a ouvir as propostas, mas defendem que o novo enquadramento legal terá forçosamente de passar por compensações salariais ou até por vantagens de progressão na carreira.

Leia mais em Jornal de Notícias

Artigos relacionados
Sociedade

Teletrabalho atinge 20% dos empregados do planeta

Guiné-BissauPolítica

Greve na função pública guineense com adesão superior a 85% e com escolas paralisadas

PolíticaPortugal

Função pública. Salários até 791 euros também vão ter aumento de 10 euros em Portugal

MacauPolítica

Manutenção de vencimentos e compensações em Macau divide deputados

Assine nossa Newsletter