Brasil destaca mais militares contra a Covid-19 do que para a II Guerra Mundial - Plataforma Media

Brasil destaca mais militares contra a Covid-19 do que para a II Guerra Mundial

O Ministério da Defesa informou nesta quinta-feira, 25, que cerca de 34 mil militares atuaram durante três meses de operações das Forças Armadas contra a Covid-19. O número, segundo a pasta, é superior aos 25,8 mil homens enviados pela Força Expedicionária Brasileira (FEB) para a Segunda Guerra Mundial

Foram contaminados 7.090 militares que atuam na linha de frente do combate à pandemia. Destes, 1.544 estão em recuperação e 20 morreram, informou o ministério. O balanço de atividades das Forças Armadas durante a pandemia foi apresentado nesta quinta-feira, 25, a jornalistas pelo ministro da Defesa, Fernando Azevedo.

Os militares realizaram ações como de entrega de insumos para saúde por transporte terrestre e aéreo, descontaminação de 2.600 espaços públicos e entrega de mais de meio milhão de kits de alimentação. Também atuaram em ações de apoio a comunidades indígenas. Para atuar na emergência de saúde pública, o Ministério da Defesa ativou 10 comandos militares pelo País para acompanhar ações pela pandemia, além de centros de coordenação em Brasília.

Leia mais em ISTOÉ.

Este artigo está disponível em: English

Related posts
MundoSociedade

Facebook desmantela redes de desinformação vinculadas à Covid

MundoSociedade

Centro Europeu de Controlo de Doenças aceita vacinação em crianças

MundoSociedade

OMS considera inútil proibir viagens para conter variante Ómicron

MundoSociedade

Especialistas recomendam autorização de pílula anticovid da Merck

Assine nossa Newsletter