Ex-ministro angolano não está foragido - Plataforma Media

Ex-ministro angolano não está foragido

O ex-ministro dos Transportes Augusto Tomás e demais condenados no caso “Conselho Nacional de Carregadores” continua a cumprir a pena de prisão na Cadeia de S.Paulo, em Luanda, confirmou, ontem, o porta-voz do Serviço Penitenciário, Menezes Cordeiro.

Em declarações à Rádio Nacional de Angola, a propósito de um  mandado de captura emitido pela Câmara Criminal do Tribunal Supremo, a 14 de Julho, contra Augusto Tomás, o porta-voz do Serviço Penitenciário referiu que o arguido em causa voltou a internar no Hospital Prisão de S. Paulo um dia depois da emissão do documento.

“O mesmo internou no dia seguinte concretamente no dia 15, um dia depois de ser emitido o mandado de captura. Ele, neste momento, encontra-se internado no estabelecimento  hospitalar de S. Paulo para o cumprimento da pena”, sublinhou.

Esclareceu que Augusto Tomás apresentou-se acompanhado de oficiais de diligência do Tribunal Supremo, que tinham por missão executar o mandado de captura.

Leia mais em Jornal de Angola

Assine nossa Newsletter