Kamala Harris vacina-se contra a Covid-19 e pede confiança no processo - Plataforma Media

Kamala Harris vacina-se contra a Covid-19 e pede confiança no processo

A vice-Presidente eleita dos Estados Unidos Kamala Harris recebeu a vacina contra a covid-19 ao vivo pela televisão nesta terça-feira (29) e pediu a confiança do público no processo, enquanto a escolha do hospital para receber a imunização chamou atenção para a difícil situação da comunidade afro-americana, muito afetada pela pandemia

Sempre de máscara colocada,  Kamala Harris recebeu a primeira de duas injeções da vacina da Covid-19 no United Medical Center, localizado numa área de Washington com uma população maioritariamente negra.

Comunidades afro-americanas em todo o país vivenciam níveis desproporcionalmente altos de mortes e doenças relacionadas à pandemia de covid-19, enquanto as pesquisas também indicam que estão entre as mais relutantes em levar a vacina.

“Por isso eu quis lembrar às pessoas que é na sua comunidade onde se toma a vacina, onde até vão receber a vacina de pessoas que talvez conheçam”, disse a vice- Presidente dos Estados Unidos após receber a vacina fabricada pela empresa americana Moderna.

“Quis lembrar às pessoas que elas têm fontes confiáveis de ajuda poderão obter a vacina”, declarou.

Harris será a primeira vice-Presidente negra e indiana-americana a tomar posse no segundo mais alto cargo da nação a 20 de janeiro, sendo também a primeira mulher no cargo.

O seu marido, Doug Emhoff, também irá ser vacinado à Covid-19.

Uma série de funcionários públicos foram vacinados diante das câmaras como parte de um esforço para superar o ceticismo público e convencer os que ainda estão em dúvida de que as imunizações são vitais para retomar uma aparente normalidade nos próximos meses.

O Presidente eleito, Joe Biden, recebeu a vacina ao vivo na televisão a 21 de dezembro.

O ainda Presidente em funções, Donald Trump, que foi hospitalizado com o vírus em outubro, não se comprometeu a ser vacinado.

Trump minimizou várias vezes o perigo da doença e pediu a reabertura de empresas e escolas, apesar do aumento do coronavírus em todo o país.

Os Estados Unidos registaram cerca de 19,3 milhões de casos e mais de 335.00 mortes relacionadas ao coronavírus, ambos os maiores índices do planeta, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins.

Artigos relacionados
MundoPolítica

Indianos celebram vitória da "filha da Índia" Kamala Harris

Assine nossa Newsletter