Ho Iat Seng sem certezas sobre Grande Prémio de Macau no próximo ano - Plataforma Media

Ho Iat Seng sem certezas sobre Grande Prémio de Macau no próximo ano

O Chefe do Executivo admitiu ontem que ainda está a decidir se vai haver Grande Prémio de Macau no próximo ano, devido ao contexto da pandemia.

Na sessão de perguntas e respostas com os deputados, Ho Iat Seng admitiu que tem uma dor de cabeça para resolver, uma vez que não consegue antever o futuro e não sabe se haverá condições para se garantir a participação dos pilotos estrangeiros.

“Em relação ao Grande Prémio assinámos os contratos no ano passado e queríamos mesmo avançar. É um evento que nos permite fazer publicidade a Macau. Mas, está na altura de tomar uma decisão sobre a realização da edição do próximo ano e tenho pensado e repensado sobre o tema”, confessou o Chefe do Executivo. “Não podemos tratar dos contratos em cima da hora e tudo tem de ser feito com antecedência. Se fosse a questão de os pilotos dizerem que correm num dia e no outro irem logo para a pista… Mas, não é desta maneira […] também não sabemos como vai estar a situação da pandemia no próximo ano […] Não sabemos se no próximo ano a cidade vai continuar morta”, acrescentou.

Face a este dilema, Ho Iat Seng admitiu que tem tido várias “dores de cabeça” que também se prendem com um plano mais ambicioso, de criar todos os meses um evento de grande dimensão desportivo ou de cariz cultural. Estes eventos, como a Maratona de Macau ou o Torneio Mundial de Ping Pong, vão ser apoiados pelas concessionárias do jogo, dois eventos por cada operadora, mas estão em causa devido ao impacto da pandemia.

Leia mais em Hoje Macau

Artigos relacionados
DesportoMacau

Fundação Macau: Pilotos pediram subsídios para correr no Grande Prémio e faltaram

DesportoMacau

GP Macau com menos dias, pilotos, provas e pouco público

DesportoMacau

GP Macau: Duelo de gigantes no TCR será decidido no Circuito da Guia

DesportoMacau

Grande Prémio de Motas depende do número de pilotos

Assine nossa Newsletter