Três adeptos proibidos de entrar em estádios por racismo contra Marega - Plataforma Media

Três adeptos proibidos de entrar em estádios por racismo contra Marega

Os três adeptos do Vitória de Guimarães que são arguidos por insultos racistas ao jogador Moussa Marega estão, a partir desta sexta-feira, impedidos de frequentar recintos desportivos. O impedimento foi imposto pelo tribunal de Guimarães como medida preventiva, mas os adeptos negam.

Em causa está o jogo que opôs o Vitória Sport Clube ao Futebol Clube do Porto, a 16 de fevereiro, no Estádio D. Afonso Henriques. Ao minuto 69, Moussa Marega estava junto à bancada nascente quando ouviu cânticos racistas provenientes da zona central desta bancada e decidiu abandonar o jogo.

Os três arguidos estavam na bancada Sul, a mais de 50 metros do jogador, na zona habitualmente destinada à claque do Vitória. Foram constituídos arguidos depois de as câmaras de videovigilância do estádio os terem filmado dirigir palavras destinadas ao avançado maliano, no momento em que este abandonava o relvado.

Leia mais em Jornal de Notícias

Artigos relacionados
DesportoPortugal

Morreu Reinaldo Teles, o dragão discreto e leal escudeiro de Pinto da Costa

DesportoPortugal

FC Porto à procura de mais pontos e milhões

BrasilDesporto

Brasileiro Hulk é hipótese para janeiro no FC Porto

Desporto

Pepe renova pelo FC Porto até aos 40 anos

Assine nossa Newsletter