Sete pessoas acusadas pela morte de estudante cabo-verdiano em Bragança - Plataforma Media

Sete pessoas acusadas pela morte de estudante cabo-verdiano em Bragança

O Ministério Público acusou de homicídio sete dos oito arguidos no caso Giovani, em Bragança, enquanto ao oitavo elemento atribui o crime de favorecimento por alegadamente ter escondido a arma do crime

A acusação foi divulgada esta segunda-feira pela Procuradoria-Geral Distrital do Porto e consta de um despacho de 23 de junho do Ministério Público de Bragança, responsável pela investigação do caso que culminou na morte do estudante Giovani Rodrigues, em dezembro de 2019.

O despacho do Ministério Público saiu meio ano depois dos factos e a acusação recai sobre os oito detidos pela Polícia Judiciária (PJ), todos do concelho de Bragança, três dos quais encontram-se em prisão preventiva e quatro em casa com pulseira eletrónica.

Leia mais em Jornal de Notícias

Artigos relacionados
Cabo VerdePortugal

Detidos mais três suspeitos da morte de cabo-verdiano em Portugal

Assine nossa Newsletter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Vale a pena ler...
Cabo Verde avança para testes em massa à Covid-19