A nossa falha moral

A divulgação pública, por Joana Amaral Dias, do relatório preliminar da auditoria que a EY fez à Caixa Geral de Depósitos gerou, e bem, uma profunda discussão sobre o que constava desse relatório. Mas ninguém discutiu a forma como o relatório confidencial foi obtido e divulgado.

Leia mais em Jornal de Notícias

Exclusivos